Motor do portão sem força.

Dica de Manutenção: Motor sem força.

Vamos dar os passos básicos para encontrar este tipo de defeito, mas, não vamos explicar como  fazer cada teste, descrito neste artigo, por ser matéria muito técnica e requerer um bom conhecimento de eletrônica e mecânica de motores elétricos.

Motor sem força pode estar relacionado a vários itens do sistema de automação de um portão. Pode ser o motor, o portão ao qual o motor exerce força para abrir ou fechar, a central que comanda o motor, o fuso do motor (em caso de motores com braços acionadores) ou a porca acionadora do braço do motor.

É comum encontrar defeito duplo. Quando se identifica um e se conserta, os sintomas continuam. Isto porque um defeito acarretou outro. Exemplo uma roda prendendo o portão, faz a folha do portão ficar pesada, o que pode danificar as engrenagens internas do motor ou queimar a central de comando.

Verifique primeiro o portão. Coloque o portão no manual e puxe o portão com a mão devagar, até abrir e depois fechar todo o portão. Sinta se o portão está pesado em algum ponto, o normal é ele abrir e fechar suavemente, sem necessidade de se fazer grandes esforços. Verifique as roldanas, os cabos de aço, as calhas, trilhos, etc. Se tudo estiver bem, inicie os testes no motor, com o portão ainda no manual.

Acione um controle remoto, veja se o motor gira. Se isto tiver acontecendo a parte elétrica do motor (Estator) provavelmente está boa.

Passe o portão para o automático. Se a central de comando do motor for do tipo com embreagem eletrônica, ajuste a força da embreagem. Cuidado! não ajuste a central para dar corrente máxima ao motor. Se algo der errado na rotação do motor ele pode se queimar ou queimar a central que o comanda. Repita o teste acionando o controle remoto.

Os motores para portões têm engrenagens internas que eventualmente podem se desgastar. Assim ele pode até girar, sem o peso do portão. Mas, não tem a força para puxar a folha do portão.

Se mesmo após o ajuste da embreagem o defeito não desaparecer, é muito provável que o motor está com suas engrenagens internas danificadas. É comum, com o tempo, as peças internas dos motores se desgastarem.

Bem se até aqui o motor continua sem força… é hora de uma reforma geral no sistema de automação do portão. Começando com uma retífica no motor.

A má noticia é que o motor tem de ir para uma oficina autorizada e ficar lá “internado” por uns dias e seu portão ficará sem o motor. A boa noticia é que nós emprestamos, para nossos clientes, os motores (dependendo do modelo) ou central de comando se for necessário retirá-los para conserto.