Segurança Eletrônica para Condomínios

Segurança para condomínios: veja por que é importante ter bons equipamentos.

segurança para condomínios: importância de ter bons equipamentos

Cidades de todo o país registram diariamente casos de invasão e arrastões em casas e edifícios. Por isso, um sistema de segurança em condomínios torna-se indispensável para tentar minimizar a violência.

Investir em equipamentos de segurança para condomínios é uma alternativa que ajuda a monitorar e controlar o acesso de pessoas. Câmeras, porteiros eletrônicos, iluminação, cercas elétricas, alarmes, sensores, controles de acesso e outros dispositivos são algumas opções disponíveis no mercado.

Mas, antes de escolher em quais equipamentos investir, é preciso ter como norma: 1) adquirir equipamentos de qualidade, 2) escolher uma empresa instaladora com experiência e com profissionais idôneos. Outro ponto que podemos destacar é a possibilidade de montar todo o sistema de segurança com uma única empresa. Com um único suporte técnico. Vemos com frequência dois erros: 1) Sistemas de Câmeras com equipamentos de diversos fabricantes. Onde coexiste no mesmo sistema: Câmeras, DVR, fontes, nobleak, balum de vídeos, conectores, etc. de diversos fabricantes. Evidentemente esta diversidade não contribui para a qualidade do Sistema de segurança.

O mesmo se observa nos sistemas de Automatização dos portões das garagens, sistemas de alarme e interfone do prédio. 2) O sistema de segurança instalado por empresas diferentes, onde uma empresa instalou o sistema de câmeras, outra o sistema de interfones, outra o sistema de automação dos portões das garagens e tudo com equipamentos de fabricantes diversos.

Uma dica: Ao implantar um sistema de Alarme, Câmeras de Segurança, Controle de Acesso, Fechaduras Elétricas e Interfonia, uma boa escolha hoje é a Intelbras. Ao instalar Sistemas para Automatização de Portões de Garagem, aqui no Rio de Janeiro, uma boa escolha de equipamentos é a SEG e Peccinin.

Imaginem a dificuldade para se manter o funcionamento perfeito de um sistema de segurança, onde cada parte do sistema (equipamento) foi fabricado por uma empresa diferente e instalado por profissionais diferentes, sem nenhum planejamento. Pelo exposto acima, nem sempre a opção mais barata será a melhor escolha.

Algumas marcas menos conhecidas e importadas ganharam mercado nestes últimos anos ao oferecer equipamentos com preços mais baixos que as opções nacionais. Mas, neste caso, não será possível contar com suporte técnico nem ter garantias de qualidade dos produtos.

Da mesma forma como se busca em primeiro lugar a qualidade dos equipamentos, e ao se fazer a compra, não se pensa apenas no preço como principal parâmetro, a mão de obra para instalar o sistema de segurança não devia ser escolhida tendo como principal parâmetro também o preço cobrado pelo profissional.

Bons profissionais não necessitam barganhar o preço de seus serviços, a ponto de se igualar a profissionais sem experiência, conhecimento técnico e responsabilidade profissional. Se um profissional entra no jogo de baixar e baixar o preço de seus serviços. Suspeite! Pode não ser tão bom profissional como apregoa.

Tipos de equipamentos para segurança em condomínios

Hoje há uma série de itens que ajudam a aumentar a segurança em condomínios.